sexta-feira, 30 de abril de 2010

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Cooperativa Nova Esperança inaugura novo galpão







Veja matéria completa clicando aqui.

"RUMO À CÚPULA DA TERRA 2010"

Ignacy Sachs
29 de abril, das 14h00 às 16h00
auditório Alberto Carvalho da Silva do IEA/USP - Rua da Reitoria, 374 - Cidade Universitária, Butantã, São Paulo

A Cúpula da Terra de 2012, a ser realizada no Brasil, deverá enfrentar vários desafios ambientais e sociais, segundo o economista e sociólogo Ignacy Sachs, professor emérito da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais (França). Para ele, a recente reunião Copenhague mostrou que “devemos buscar novas formas de articulação das políticas nacionais e, nesse contexto, convém examinar o papel de planos nacionais de longo prazo construídos a partir dos conceitos de pegada ecológica e de trabalho decente".

Esses desafios serão discutidos por Sachs na conferência "Rumo à Cúpula da Terra 2012", no dia 29 de abril, às 14h, no Instituto de Estudos Avançados (IEA) da USP. Três professores da USP também participam do evento: Ricardo Abramovay, da Faculdade de Economia e Administração, e Wagner Costa Ribeiro, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (Procam) e do IEA, serão os debatedores; Pedro Jacobi, da Faculdade de Educação e do Procam, coordenará o encontro.

Na opinião de Sachs, a Agenda 21 elaborada na Rio-92 (Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento) se chocou com a contrarreforma neoliberal, que estava em seu auge depois da queda do Muro de Berlim. Ele considera que a recente crise econômica “mostrou a improcedência do mito dos mercados que se autorregulam”. Em razão disso, os países emergentes “estarão numa posição mais favorável para propor uma transição ordenada para a economia de baixo carbono baseada na cooperação entre Estados desenvolvimentistas”.

Sachs é professor emérito da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais (França) e diretor honorário do Centro de Pesquisas sobre o Brasil Contemporâneo da mesma instituição. Alguns dos seus livros são “Rumo à Ecossocioeconomia – Teoria e Prática do Desenvolvimento (2007), "Extrativismo na Amazônia Brasileira: Perspectivas sobre o Desenvolvimento Regional" (1994) e "Estratégias de Transição para o Século 21: Desenvolvimento e Meio Ambiente" (1993).

A conferência acontece no Auditório Alberto Carvalho da Silva, sede do IEA, Rua da Reitoria, 374, térreo, Cidade Universitária, São Paulo. Haverá transmissão ao vivo pela web em www.iea.usp.br/aovivo. Mais informações: com Inês Iwashita (ineshita@usp.br), tel. (11) 3091-1685.

5ª Mostra Anual de Fotojornalismo em São Paulo

Oitenta painéis, com imagens que marcaram a cobertura jornalística da imprensa paulista em 2009 fazem parte da 5ª Mostra Anual de Fotojornalismo, que acontece entre os dias 23 de abril e 15 de maio, no Espaço Cultural do Conjunto Nacional, em São Paulo. A “Retrospectiva 2009: 5ª Mostra Anual...
A “Retrospectiva 2009: 5ª Mostra Anual de Fotojornalismo” é organizada pela ARFOC-SP (Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos do Estado de São Paulo) e tem patrocínio da Nike e do Hotel Bourbon Convention Ibirapuera, entre outros.

O evento conta com imagens de variados temas – política, cotidiano, shows e esportes, entre outros, capturadas pelas lentes de 67 repórteres fotográficos do estado de São Paulo.

Esse ano, serão concedidos prêmios, para a categoria Foto do Ano e Arfoc SP 2009. Os vencedores, escolhidos por internautas, na primeira categoria e um grupo de jurados convidados, na segunda, receberão passagem e estadia em Salvador (BA) e vale compra no valor de R$ 2 mil.

(de Eventos 2010)

domingo, 25 de abril de 2010

Concurso para projetos ambientais

Mostra de Tecnologias Sustentáveis 2010

Workshop CIESP / CETESB]

Curso gratuito sobre Sistema de Garantias - 3ª Videoconferência

Prezado(a) Parceiro(a),
Queremos convidá-lo para participar da 3ª videoconferência do Programa Construção de Fundamentos, que acontecerá no próximo dia 28/04/2010, das 14h às 17h, sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente, com o Dr. Paulo Afonso Garrido de Paula, Procurador de Justiça do Ministério Público do Estado de São Paulo, professor da PUC-SP e um dos co-autores do anteprojeto que deu origem ao Estatuto da Criança e do Adolescente.
As inscrições poderão ser feitas até o dia 26/04 às 17hs. Relembramos que a videoconferência é transmitida para as 91 salas da Rede do Saber espalhadas por todo Estado e por meio da internet. Para aqueles que participarem do programa nas Salas da Rede do Saber, a Fundação Instituto de Administração – FIA oferecerá certificados de participação.
Esse Programa faz parte do Projeto Aprimoramento do Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente que é promovido pela Rede Social São Paulo, em parceria com o Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CONDECA), a Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social (SEADS) e com a gestão executiva do Centro de Empreendedorismo Social e Administração em Terceiro Setor da Fundação Instituto de Administração (CEATS/FIA).
Para saber mais sobre o Programa Construção de Fundamentos entre no site www.aprimoramentosgdca.org.br e inscreva-se! Se tiver alguma dúvida, ligue para 11-3031-0366, das 9hs às 17hs ou escreva para aprimoramentosgdca@fia.com.br
Indique esse convite para um amigo.

Plano de Educação da Cidade de São Paulo

*Prezadas/os companheiras/os dos fóruns de educação e movimentos sociais
da cidade de São Paulo*

* *Após um processo de quase dois anos de discussão entre a sociedade civil
organizada e a Secretaria Municipal de Educação, o *Plano de Educação da
Cidade de São Paulo será construído entre março e junho de 2010*, em um
processo participativo, ainda que em um tempo mais curto do que desejávamos.

A participação de todos os fóruns e movimentos de Educação, através da
realização de plenárias livres e da participação nas plenárias nas
subprefeituras, é fundamental para fazer valer as propostas de educação que
temos discutido e que definirão as metas para a educação em nossa cidade
para os próximos dez anos!

Além da discussão e elaboração das *propostas e reivindicações* dos fóruns
e movimentos ao longo das etapas, é muito importante a participação na
etapa 2, em que *se elegerão* *nas subprefeituras as/os delegadas/os*
para a Conferência de Educação da Cidade de São Paulo - conferência que
ocorrerá em 18 de junho (à noite), 19 e 20 de junho (dia todo) de 2010.
*Os locais dessas plenárias estão na listagem a seguir*.

É fundamental que os fóruns e movimentos participem para tirarem suas/seus
delegadas/os para o processo, garantindo a efetiva discussão de suas
propostas. *Pelo segmento fóruns/movimentos sociais de educação, seremos
cerca de 10 delegadas/os por subprefeitura.*

As bases para as discussões e formulação de propostas são as nossas
próprias experiências e reflexões sobre a educação em nossa cidade e o
texto de subsídios (em especial a parte sobre a metodologia – p.80 a 87).
O texto de subsídios está disponível no portal da Secretaria de Educação,
http://portalsme.prefeitura.sp.gov.br (e também no site das organizações,
fóruns e movimentos) e está sendo distribuído nas escolas da cidade. A
ficha para sistematização das discussões também se encontra no portal de
SME.
CEU Inácio Monteiro - 22/mai - 13h30

"RUMO À CÚPULA DA TERRA 2010"

Ignacy Sachs
29 de abril, das 14h00 às 16h00
auditório Alberto Carvalho da Silva do IEA/USP - Rua da Reitoria, 374 -
Cidade Universitária, Butantã, São Paulo

A Cúpula da Terra de 2012, a ser realizada no Brasil, deverá enfrentar
vários desafios ambientais e sociais, segundo o economista e sociólogo
Ignacy Sachs, professor emérito da Escola de Altos Estudos em Ciências
Sociais (França). Para ele, a recente reunião Copenhague mostrou que
“devemos buscar novas formas de articulação das políticas nacionais e,
nesse contexto, convém examinar o papel de planos nacionais de longo prazo
construídos a partir dos conceitos de pegada ecológica e de trabalho
decente".

Esses desafios serão discutidos por Sachs na conferência "Rumo à Cúpula da
Terra 2012", no dia 29 de abril, às 14h, no Instituto de Estudos Avançados
(IEA) da USP. Três professores da USP também participam do evento: Ricardo
Abramovay, da Faculdade de Economia e Administração, e Wagner Costa
Ribeiro, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, do Programa
de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (Procam) e do IEA, serão os
debatedores; Pedro Jacobi, da Faculdade de Educação e do Procam,
coordenará o encontro.

Na opinião de Sachs, a Agenda 21 elaborada na Rio-92 (Conferência das
Nações Unidas para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento) se chocou com a
contrarreforma neoliberal, que estava em seu auge depois da queda do Muro
de Berlim. Ele considera que a recente crise econômica “mostrou a
improcedência do mito dos mercados que se autorregulam”. Em razão disso,
os países emergentes “estarão numa posição mais favorável para propor uma
transição ordenada para a economia de baixo carbono baseada na cooperação
entre Estados desenvolvimentistas”.

Sachs é professor emérito da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais
(França) e diretor honorário do Centro de Pesquisas sobre o Brasil
Contemporâneo da mesma instituição. Alguns dos seus livros são “Rumo à
Ecossocioeconomia – Teoria e Prática do Desenvolvimento (2007),
"Extrativismo na Amazônia Brasileira: Perspectivas sobre o Desenvolvimento
Regional" (1994) e "Estratégias de Transição para o Século 21:
Desenvolvimento e Meio Ambiente" (1993).

A conferência acontece no Auditório Alberto Carvalho da Silva, sede do
IEA, Rua da Reitoria, 374, térreo, Cidade Universitária, São Paulo. Haverá
transmissão ao vivo pela web em www.iea.usp.br/aovivo. Mais informações:
com Inês Iwashita (ineshita@usp.br), tel. (11) 3091-1685.

quarta-feira, 21 de abril de 2010

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Informe Ação Civil Pública Catadores de Materiais Recicláveis - Instituto Polis

Clique aqui e assista o vídeo da Cooperativa Nova Esperança.

Em 2002, a Prefeitura do Município de São Paulo criou, por meio do
Decreto Municipal 42.290, o Programa Socioambiental Cooperativa de
Catadores de Material Reciclável. O programa concretizava a geração de
trabalho para a população de baixa renda, através do aproveitamento de
resíduos sólidos e visando a promoção de defesa do meio ambiente e
geração de renda e emprego. Ainda, promovia a sustentabilidade
sócio-ambiental na gestão desses resíduos, por meio de convênios e
termos de parceria entre a Administração Municipal e grupos organizados
de catadores, para a implantação da coleta seletiva.
No entanto, algumas associações de catadores de material reciclável e
agentes de reciclagem, por ausência de cumprimento de alguns requisitos
legais presentes no decreto regulador,não foram incluídos no programa.
Tal exclusão do Programa Socioambiental Cooperativa de Catadores de
Material Reciclável acabou por inviabilizar os trabalhos de cooperativas
independentes e catadores individuais.

A exclusão imposta pelo decreto contribuía ainda mais para distanciá-los
da sociedade, além de desprezar agentes promotores de sustentabilidade
ambiental. Nesse sentido, a concretização do programa deveria ser
imediata, face à gravidade dos mecanismos de exclusão social, em
especial o desemprego. O manejo de resíduos sólidos e inclusão social,
objetivos da política pública do programa em questão, não seriam
atingidos com o término da parceria entre o Município e as cooperativas
de catadores. Os contratos de convênio que foram interrompidos forçavam
a descontinuidade das políticas públicas e exclusão produtiva destes
grupos vulneráveis.

Com base nessas assertivas, a Defensoria Pública do Estado de São Paulo,
o Instituto Pólis, o Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos e o
Instituto GEA, entraram com uma Ação Civil Pública no judiciário,
requerendo: a criação de um plano de implementação progressiva de coleta
seletiva de resíduos sólidos; a criação do conselho gestor do programa
de responsabilidade social e geração de emprego e renda; e a realização
de licitação para contratar cooperativas de agentes de reciclagem
regularmente constituídas mediante convênio, para realizarem a coleta
seletiva, a triagem, beneficiamento e comercialização dos resíduos
sólidos coletados.

O trâmite dessa ação durou mais de 2 anos, porém a justiça reconheceu
que as medidas requeridas na Ação Civil Pública eram necessárias e
atendeu o pedido das Entidades, inclusive condenando a Prefeitura à
implementação progressiva da coleta seletiva em todo o município no
prazo de 12 meses, com a participação do conselho gestor. O magistrado
concluiu que o ritmo da implementação do programa era incompatível com a
relevância de seus objetivos em relação ao seres humanos e verificou
também, que a participação deles na coleta do material reciclável vem
sendo subaproveitada pela Administração Municipal. Outro ponto
importante da sentença, foi o reconhecimento do dever da administração
pública de prestar auxílio jurídico à regularização e à constituição das
cooperativas e associações.

Estamos muito contentes com esta vitória! Agora é divulgá-la o mais
amplamente possível e pressionar o poder público para que cumpra a
sentença.

Abraços a todos e todas

Elisabeth Grimberg
Instituo Pólis

domingo, 18 de abril de 2010

9ª Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas da Cidade de São Paulo

Estamos encaminhando a programação da 9ª Conferência de Produção Mais Limpa e Mudanças Climáticas da Cidade de São Paulo, que será realizada no dia 12/05/10 (quarta-feira), das 08h00 às 17h00, no Memorial da América Latina. O tema será “Economia Verde Frente às Mudanças Climáticas”. Será um importante evento, onde você terá a oportunidade de ouvir e debater sobre a economia e o mercado de trabalho dentro dos parâmetros da sustentabilidade e de sua correlação com as mudanças climáticas. Para fazer a sua inscrição gratuitamente acessewww.natalini.com.br.

sábado, 17 de abril de 2010

Cidade Tiradentes comemora 26 anos.

A partir deste sábado (17/04) até 25 de abril, várias atividades comemorativas acontecerão para homenagear Cidade Tiradentes, organizadas pela Subprefeitura. Entre elas, haverá a inauguração da praça Pastor Antonio Jacinto.

Para homenagear Cidade Tiradentes em seu 26º aniversário, a Subprefeitura de Cidade Tiradentes, a Coordenadoria Regional de Educação de Guaianases e Cidade Tiradentes e as Organizações Sociais do distrito, promoverão, a partir deste sábado (17/04) até 25 de abril, várias atividades comemorativas, incluindo show musical, desfile cívico, amistoso de futebol de campo, entre outras atrações
Programação
Entre as atrações programadas destacam-se a inauguração da praça Pastor Antonio Jacinto, espaço de lazer oferecido a população e que abrigará várias modalidades de eventos; desfile militar e cívico com o tema "Tiradentes, um cidadão brasileiro"; jogo amistoso da seleção brasileira de masters versus seleção de master Cidade Tiradentes; show promovido pela Rádio Tropical FM - com vários artistas renomados da MPB e artistas da região; lançamento da grife Cohab Wear, com jovens da Estação da Juventude - Cidade Tiradentes; e Circuito de Rua, no Parque do Rodeio.
Inauguração da Praça Pastor Antonio Jacinto
Trata-se de mais um espaço de lazer oferecido a população, que abrigará várias modalidades de eventos. A praça multiuso, como pode ser considerada, será palco para cerimônia de casamento, culto religioso, eventos culturais, apresentações de grupos de dança, peça teatral, além de realização de shows com banda de rock, MPB, Sertanejo, Samba, Gospel, entre outros.
Durante a inauguração foi celebrado um casamento e após houve um show com bandas Gospel e Rock da região.

Local: Início da Avenida dos Metalúrgicos, s/n, próximo ao Terminal de Ônibus e Supermercado Compre Bem.




sexta-feira, 16 de abril de 2010

Projeto Laje Acadêmica


Nos dias 15 e 21 de abril, o Centro de Pesquisas Atopos, da ECA USP, e o GEC Tio Pac realizam dois encontros como parte do projeto de extensão universitária Laje Acadêmica.
Nos dois encontros será apresentado e debatido o projeto da WEBTV Cidade Tiradentes, a TV comunitária on-line do distrito de Cidade Tiradentes, localizado no extremo leste da capital paulista. WEBTVCT que desde o final de 2009 também é um Ponto de Cultura, contando com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo e do Ministério da Cultura, através do Programa Cultura Viva.
No dia 15/04, o encontro acontece na ECA USP (veja aqui como chegar até lá), às 19h, no auditório Lupe Cotrim, que fica no 1o andar do prédio principal da ECA USP.
No dia 21/04, o encontro será na sede do GEC Tio Pac, em Cidade Tiradentes (veja aqui como chegar até lá), às 11h.
Não é necessário realizar inscrição, mas pedimos que aqueles com o interesse em participar dos eventos ou conhecer mais sobre a WEBTVCT, preencham esta consulta.
Aqueles que estiverem presentes nos dois dias receberão certificado de participação.

Sobre o Projeto de Extensão Universitária Laje Acadêmica

O projeto Laje Acadêmica nasceu a partir do grupo de estudos Áreas Vírus, organizado pelo Centro de Pesquisas Atopos, e consiste na promoção encontros nos quais a idéia norteadora é a conexão e articulação entre os conhecimentos acadêmicos e os saberes locais/tradicionais/populares em espaços que normalmente não são contemplados com a realização de eventos voltados ao debate, à reflexão e apreciação de idéias e práticas.
Esta edição do Laje Acadêmica conta com o apoio da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da Universidade de São Paulo.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Programa de proteção aos direitos das crianças e adolescentes chega à sua segunda videoconferência em São Paulo

Segunda videoconferência será no dia 14 de Abril e conta com a participação do Dr. Flávio Frasseto.
A Rede Social São Paulo lançou o Projeto Aprimoramento do SGDCA (Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente), com três programas de capacitação voltados para profissionais que atuam na defesa dos direitos da infância.
O programa “Construção de Fundamentos” envolve todos os 645 municípios do Estado e é destinado às pessoas que já atuam ou desejam atuar no Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente. Aqueles que realizarem o programa completo receberão certificado de participação, emitido pela Fundação Instituto de Administração – FIA.
A primeira das 7 videoconferências foi realizada no dia 26 de março, através de ferramentas de Educação à Distância (EaD), que atingiu as 91 salas da Rede do Saber espalhadas pelo Estado. A segunda videoconferência, que será realizada no dia 14 de abril, das 14h às 17h, contará com a participação do Dr. Flávio Frasseto, que é Defensor Público, Coordenador do Núcleo Especializado da Infância e Juventude da Defensoria Pública de São Paulo, Mestre em Psicologia pela USP e Professor do Mestrado Profissional Adolescente em Conflito com a Lei da UNIBAN-SP. A videoconferência abordará o tema “Marco Legal e o Ecâmetro: ferramenta de diagnóstico participativo”. As inscrições devem ser feitas pelo site www.aprimoramentosgdca.org.br até o dia 12 de abril.
A Rede Social São Paulo oferecerá, também, dois programas específicos para municípios selecionados no Estado. O programa “Construção de Plano Municipal de Ação dos Direitos da Criança e do Adolescente” atingirá 80 cidades e terá como objetivo a elaboração de planos municipais, coordenados pelos Conselhos Municipais de Direitos, com a participação efetiva de outros atores. Já o programa “Comunicação Social como Ferramenta de Fortalecimento do Sistema” destina-se a 160 conselheiros de direitos, mostrando como a comunicação pode ajudar no fortalecimento das relações entre os atores do Sistema de Garantias.
O Projeto Aprimoramento do SGDCA é uma parceria entre a Rede Social São Paulo, o Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CONDECA/SP) e a Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social (SEADS), sob execução do Centro de Empreendedorismo Social e Administração em Terceiro Setor da Fundação Instituto de Administração (CEATS/FIA),
É dessa maneira, com estes três programas, que o Projeto Aprimoramento do SGDCA pretende fortalecer as redes locais, contribuindo para a garantia dos direitos das crianças e adolescentes de todo o Estado de São Paulo.
Para mais informações, escreva para aprimoramentosgdca@fia.com.br

curso gratuito Verde em Ação

O Departamento de Gestão Descentralizada da zona leste, 2 (DGD L2) da
Secretaria do Verde e do Meio Ambiente e o Parque Esportivo do Trabalhador
(CERET) oferecem o curso gratuito:

Verde em Ação

Este curso tem como objetivo levar conceitos e ferramentas de educação
ambiental, facilmente replicáveis, que possam ser

utilizados na construção de alternativas locais de desenvolvimento através
da interação entre atores locais e o meio ambiente.

Facilitadoras: Renata Branco Santoro, Debora Pontalti e Lia Salomão Lopes

Coordenação: Debora Pontalti e Lia Salomão Lopes (docentes da UMAPAZ)

Carga horária; 24 horas (6 encontros de 4 horas cada).

Aberto a todos os interessados. Inscrições nos locais.

Turma 2 - DGD Leste 2 - Parque Esportivo do Trabalhador - Rua Canuto Abreum,
S/N, (antigo CERET).

Temas abordados:

1- Educação Ambiental para o Desenvolvimento Local.

2- A Sociedade de Consumo e Introdução à Economia Solidária.

3- Desenvolvimento Sustentável e Permacultura.

4- Prática de Sustentabilidade (Compostagem e coleta seletiva).

5- Biodiversidade Local e Problemas Ambientais.

6- Trilha + Feira de troca.



Dias: 16, 20, 23, 27; 30 de abril e 04 de maio (3ª e 6ª feiras) das 9 h às
13h para jovens e adultos a partir de 16 anos (com  certificado).



Informações pelo tel. 2076-1059/ 2268-0744

Inscrições pelo e-mail: mgalvanese@prefeitura.sp.gov.br

Palestra Gestão de Resíduos Sólidos na Cidade de São Paulo

Plenária do Fórum Agenda 21 Macro Leste no SESC Itaquera.

Convidamos para a próxima Plenária do Fórum Agenda 21 Macro Leste:

Data: 17-04-2010 (sábado)
Horário: 10h
Local: Sesc Itaquera - Espaço Benfeitores da Natureza.

Obs. A plenária reúne representantes dos três setores (poder público,
iniciativa privada e sociedade civil) das onze regiões administrativas que
compõe a Macro Leste (Aricanduva, Cidade Tiradentes, Ermelino Matarazzo,
Guaianases, Itaim Paulista, Itaquera, Mooca, Penha, São Mateus, São Miguel
e Vila Prudente) e ocorre uma vez por mês (3º sábado).

*No dia 20/04/2010 - 14h, teremos a reunião do Conselho de Meio Ambiente,
Desenvolvimento Sustentável e Cultura de Paz de São Mateus (CADES São
Mateus), na Subprefeitura de São Mateus: Av. Ragueb Chohfi, 1.400, CEP
08375-000, Tel: 3397-1100.*

Nesse dia, o conselho será apresentado ao novo subprefeito, Ademir Aparecido
Ramos. Será a primeira vez que participarei, mas é um conselho aberto à
participação da comunidade, onde somente os conselheiros tem direito a voto.

Abaixo, um resumo sobre a história dos CADES Regionais (consultivos):

*CADES:* é uma sigla que significa: “Conselho de Meio Ambiente,
Desenvolvimento Sustentável e Cultura da Paz”. Cada uma das subprefeituras
da cidade de São Paulo possui esse conselho instituído (na verdade, faltam
apenas 2 subprefeituras da 31 existentes, instituí-lo), o qual é formado por
representantes da sociedade civil (8 titulares e 8 suplentes), legitimamente
eleitos pela comunidade, e representantes das secretarias da prefeitura de
São Paulo. Uma das atribuições do CADES, que consta na legislação que o
criou (Lei 14.887, de 15 de janeiro de 2009) é a facilitação do processo de
AGENDA 21 LOCAL e A3P.

Vale lembrar que a cidade de São Paulo tem um CADES Municipal, pela
Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, onde, esse sim, é deliberativo. O
CADES Municipal tem representantes dos CADES Regionais, por macro área,
eleitos recentemente.


terça-feira, 13 de abril de 2010

II ENCONTRO DOS CONSELHOS REGIONAIS DE MEIO AMBIENTE, DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E CULTURA DE PAZ E DOS FÓRUNS DE AGENDA 21 DA CIDADE DE SÃO PAULO



No dia 10 de abril, das 9h às 17h, aconteceu o II Encontro dos Conselhos de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Cultura de Paz (CADES) Regionais e Fóruns de Agenda 21 em São Paulo. O objetivo foi divulgar a interação feita pelos Fóruns de Agenda 21 Locais, através de trabalhos voltados para diversos setores da sociedade.
O CADES é promovido pela Prefeitura de São Paulo e será realizado na Câmara Municipal da cidade, no Palácio Anchieta, que fica no Viaduto Jacareí, número 100, em Bela Vista. 
Os Cades
Os Cades regionais foram criados em 2008 com o papel de  colaborar na formulação da política municipal de proteção ao meio ambiente, desenvolvimento sustentável e cultura de paz, com propostas para o Conselho Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (CADES), subprefeituras, Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, Secretaria Especial de Participação e Parceria e  Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação. Os órgãos também devem apoiar a implementação do Plano Diretor Estratégico e dos Planos Diretores Regionais e promover a participação social em todas as atividades das subprefeituras nas questões relacionadas ao meio ambiente, à promoção do desenvolvimento sustentável e à cultura de paz. São formados por oito representantes do poder Executivo e oito representantes eleitos entre os cidadãos maiores de 16 anos moradores da região da subprefeitura.

Agenda 21

Em 1992, a Agenda 21 foi assinada no Rio de Janeiro por 178 países. Ela discute a essência do que é desenvolvimento sustentável, o processo através do qual ele pode ser alcançado e as ferramentas de gerenciamento necessárias para alcançá-lo. Em seu Capítulo 28, exorta as autoridades locais a desenvolverem, até 1996, uma Agenda 21 Local.
A campanha da Agenda 21 Local foi criada para conceber planos de ação que, resolvendo problemas locais, se somarão para ajudar a alcançar resultados globais.
A Agenda 21 Local é um processo de desenvolvimento de políticas para o desenvolvimento sustentável e de construção de parcerias entre autoridades locais e outros setores para implementá-las. A sua base é a criação de sistemas de gerenciamento que levem o futuro em consideração. Este gerenciamento deverá:
- integrar planejamento e políticas
- envolver todos os setores da comunidade
- focalizar resultados a longo prazo

Palestra: Um Olhar sobre a cidade real com o urbanista Nabil Bonduki, (foto), e o ausente José Police Neto.

Papeis e articulações dos Conselhos Regionais de Meio Ambiente e Cultura de Paz., com os palestrantes:
Rubens Casado subprefeito da Mooca, 
Manoel Araújo subprefeito de Vila Mariana,
Helena Maria de Campos Magoso Coordenadora Geral do Departamento de Participação e Fomento às Políticas Públicas da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente

Também nesta palestra o Conselheiro do CADES Itaquera Luiz Carlos da Silva

WALTER TESCH Subprefeito de Parelheiros e Helena Magozo

Milton Roberto e a Conselheira Regina Chaves participaram deste dia de atividades
Penna vereador do Partido Verde esteve presente entre os palestrantes.

Apresentação do Grupo de Maracatú Ilê Aláfia da Associação Cristã de Moços de São Paulo - Centro de Desenvolvimento Comunitário Leide das Neves Jabaquara
Neste vídeo a Conselheira Regina Chaves mostra as ações para a criação do Parque da Consciência Negra, onde as ações são transversais e atinge todo o entorno do projeto,, CADES e Agenda21 - Adote uma árvore - Condomínio Verde, Curso Básico Ecologia são algumas das ações.

Veja este filme do site Encontro das Águas


Ache outros vídeos como este em DEFESA DAS ÁGUAS




O que é Agenda 21?
É um instrumento para construção de sociedade sustentáveis em diferentes bases geográficas que concilia métodos
de proteção ambiental, justiça social e eficiência econômica. Foi assinado por 179 países na Conferência das
Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento – CNUMAD, no Rio de Janeiro a Eco 92.
“Agenda 21 Local” é um processo que visa a sustentabilidade, contínua e de construção de parcerias e participação
dos três setores da sociedade, um instrumento de planejamento, uma metodologia, que leva em consideração os
aspectos socioeconômicos e culturais aliados à preservação ambiental e à melhoria da qualidade de vida para todos.


Algumas imagens: clique na imagem para fixar.

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Programa VAI da Secretaria da Cultura no Parque da Consciência Negra

O projeto selecionado pelo Programa VAI será executado no Parque como no ano passado,(Oficio Social - CONPARES)  beneficiando muitos jovens da região e recebendo a aprovação dos alunos, dos pais, dos moradores e até do prefeito Gilberto Kassab.
Nesse link conheça quais serão os cursos .

O Programa para a Valorização de Iniciativas Culturais - VAI, foi criado pela lei 13540 (de autoria do vereador Nabil Bonduki) e regulamentado pelo decreto 43823/2003, com a finalidade de apoiar financeiramente, por meio de subsídio, atividades artístico-culturais, principalmente de jovens de baixa renda e de regiões do Município desprovidas de recursos e equipamentos culturais.


O Programa VAI tem por objetivos:

Estimular a criação, o acesso, a formação e a participação do pequeno produtor e criador no desenvolvimento cultural da cidade;

Promover a inclusão cultural;

Estimular dinâmicas culturais locais e a criação artística

Desde a criação do VAI, foram executadas seis edições.

fonte:


O projeto "Manifestações Populares" conta com a realização de 4 oficinas:
·         Construção de instrumento;
·         Percussão;
·         Confecção de boneco gigante;
·         Expressão corporal.

Fórum para o Desenvolvimento da Zona Leste

A Diretoria de Meio Ambiente do Fórum para o Desenvolvimento da Zona
Leste vem informar que neste mês e no próximo, excepcionalmente, a
reunião da Coleta Seletiva, no SESC Itaquera, será realizada no
2o.sábado do mês e não no 1o. sábado, como de costume, em razão dos
feriados.

Próxima reunião dia 10 de abril

LANÇAMENTO DO PONTO DE CULTURA COHABITARTE


 
Pioneiro em Itaquera, o Ponto de Cultura Cohabitarte celebra a
continuidade dos trabalhos do Grupo Aliança Libertária Meio Ambiente
(ALMA) nos arredores da COHAB José Bonifácio. Com histórico de sete anos
de ativismo poético-ambiental, o Grupo ALMA agora tem, com apoio da
Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo e do Ministério da Cultura,
uma sede que servirá como ponto de referência para as manifestações
culturais da região. Ressignificando os espaços urbanos com arte e
educação ambiental, o Ponto de Cultura COHABITARTE se enraiza na nova sede
sem esquecer de espalhar seus ramos de ação por pátios de prédios, praças
e ruas...
Nossa celebração que marca o início dessa nova história será domingo, dia
11 de abril, a partir das 14h30, com a saída do Cortejo COHABITARTE do
Parque Raul Seixas
Nos vemos lá!

MultiColor Interatividade

Jornal Cidade Tiradentes

Jornal Cidade Tiradentes
Alguém neste país ainda limpa a bunda com jornal?